ciberduvidas Ter dúvidas é saber. Não hesite em nos enviar as suas perguntas. Os nossos especialistas e consultores responder-lhe-ão o mais depressa possível.

[Pergunta | Resposta]

Vírgula entre o suj. e o pred.

[Pergunta] Antes de mais parabéns pelo site.

Se possível gostava de ter um esclarecimento acerca da utilização das vírgulas entre sujeito e predicado.

Agradecido pela atenção disponibilizada!

José Pinheiro :: :: Portugal

[Resposta] 1. Vejamos a seguinte frase:

«Pedro anda.» E esta:

«Pedro, anda.»

Uma vírgula mudou tudo. Na primeira frase (sem vírgula), Pedro anda, Pedro caminha, Pedro move-se. Na segunda (com vírgula), Pedro recebe uma ordem. Alguém manda-o andar.

Na linguagem oral, a segunda frase tem uma pausa e a primeira, não. Dizemos:

«Pedro anda» (primeiro caso) e «Pedro... anda» (segundo).

Este é um dos motivos por que se não pode pôr vírgula entre o sujeito e o predicado. Exceptuam-se apenas as situações em que o sujeito é o vocativo (e recebe uma ordem, um apelo). Em tais casos, a vírgula é muito conveniente. A sua ausência pode tornar confusas frases como: «Explode coração»; «Parabéns Saramago»; «Morre Suharto», etc., que se tornam mais claras com a vírgula: «Explode, coração»; «Parabéns, Saramago»; «Morre, Suharto».

2. Na primeira oração, em que se indica que «Pedro anda», pode haver necessidade de vírgulas - se intercalarmos complementos, apostos ou, mesmo, outras orações. Assim:

«Pedro, embora esteja doente, anda.»

«Pedro, filho de João, anda.»

«Pedro, que tem sapatos de sola reforçada, anda.»

Não se pode, contudo, pôr só uma vírgula: «Pedro, filho de João anda» ou «Pedro que tem sapatos de sola reforçada, anda» A clareza exige simetria na colocação das vírgulas que demarcam certos elementos da oração.

Em caso de dúvida, todavia, tal como acontece com os acentos, antes a menos do que a mais. A pontuação é como o sal: q.b.

J.C.B. :: 07/12/1998

[Sintaxe]
Omissão de preposição antes de pronome relativo: «Um dia (em) que eu não chore»
O modificador do grupo verbal
na frase «Formar (...) no parque de estacionamento»
Os predicativos na frase
«a Maria ficou em casa sozinha»
Oração de gerúndio introduzida por com
«No fundo do largo da igreja ficava o circo»
«Em que pese» + oração
«A suposição de que...»: uma oração especificativa
O verbo ficar como auxiliar da voz passiva
Complementos nominais: regulamentação e regulamento
A sintaxe de chegar

Mostra todas

Ciber Escola Ciber Cursos